Governador sancionou a lei que institui o piso salarial dos agentes de saúde do Ceará

IMG_20150327_124929082Participei nesta sexta feira (27), da cerimônia de sanção da lei do novo piso salário dos agentes comunitários de saúde com o governador Camillo Santana.

O governador sancionou a lei que institui o piso salarial dos agentes de saúde do Ceará, além de assegurar o reajuste em igual índice de revisão à remuneração dos servidores federais. Na solenidade, que aconteceu no Palácio da Abolição, o governador reiterou o seu empenho com a categoria e a saúde do Estado.

Para o deputado federal José Airton, a aprovação da matéria foi possível devido ao longo trabalho de muitos parlamentares na luta pela categoria. O deputado é grande conhecedor da importância da atuação dos agentes comunitários de saúde em todo o Brasil e pioneiro na implantação do programa de Saúde da Família, no município de Icapuí , no Ceará, o deputado demonstrou toda satisfação na conquista dessa grande vitória, depois de fortes resistências enfrentadas para o reconhecimento desses profissionais.

Ajuda da União

A carreira de agentes comunitários foi regulamentada pela Lei 11.350/06, que permitiu a regularização dos funcionários contratados no âmbito da Fundação Nacional de Saúde (Funasa) e estabeleceu as diretrizes para contratação nos estados e municípios.

 

 

José Airton parabeniza Dideus e Audifax pela biografia em versos de Humberto Teixeira

IMG_20150327_195408576

Na foto com os poetas Dideus Sales e César Barreto

Nesta sexta feira (27), no Clube Náutico Atlético Cearense, participei do livro livro Humberto Teixeira – Muito mais que um letrista (Ed. Expressão Gráfica), do poeta Dideus Sales e ilustrações de Audifax Rios.

A biografia escrita em sextilhas e setilhas (versos de seis e sete sílabas, respectivamente) celebra o centenário do Doutor do Baião, nascido em 5 de janeiro de 1915, e vem na sequencia de Luiz Gonzaga – Muito além de um sanfoneiro (2012), que também comemorou o centenário do seu principal parceiro.

Em Humberto Teixeira – Muito mais que um letrista, os versos de Dideus contam essa história desde o início, passando pela infância do compositor, reconhecimento como artista, trajetória política as homenagens feitas após sua morte em 3 de outubro de 1979. Entre as homenagens, consta a Rodovia Humberto Teixeira, que liga Iguatu e Acopiara, e o filme O homem que engarrafava nuvens (2009), de Denise Dumont, filha do compositor.

Completando o texto, Audifax ilustra as páginas do livro com imagens coloridas que remetem ao trabalho anterior, sobre Luiz Gonzaga. Os artistas Miguel Lima e Xavier Marques também colaboram com imagens dos homenageados. Embora o texto seja mais adulto, as imagens ajudam a atrair também o público infantil. “É um livro feito para todas as idades. O público que não é muito de leitura, quando vê que é poesia, fica mais interessado. Ele ajuda as pessoas a conhecerem esses personagens. Em seguida, elas podem pesquisar e conhecer mais ainda”, avisa o ilustrador.

Com informações de O Povo.

1 2 3 28